quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Conhece a Ti Mesmo - LIII



Conhece a Ti Mesmo - LIII

Entendamos de uma vez por todas que para que possamos melhorar, temos que conhecer melhor a nós mesmos. Uma das frases que notabilizou o grande Sócrates foi: "Conhece-te a ti mesmo".

O conhecimento sobre nós mesmos é fator importante para nosso crescimento interior.

A grande missão de Jesus foi sem dúvida, ajudar nosso progresso moral e a estar em paz conosco e com nossos semelhantes.

Entretanto, para que possamos melhorar, é indispensável nos conhecermos e sabermos que esta é uma tarefa difícil que requer sabedoria e esforço.

Precisamos constantemente nos analisar melhor, procurando saber quais são nossas virtudes e quais são nossos defeitos, quais são nossas possibilidades e limitações e o que deve e o que não deve ser mudado.

Com o próximo, através das relações humanas, aprendemos a identificar nossas reações de comportamento e a discipliná-las.

A maior dificuldade que temos em nos conhecer, advém do nosso egoísmo, pois normalmente preferimos um elogio falso a uma crítica construtiva. Nossa tendência é de assumirmos o que é bom e atribuirmos aos outros o que é ruim.

Fazemos muita questão em julgar e apontar erros do próximo, mas não temos coragem de julgar a nós mesmos.

Allan Kardec na pergunta de número 919 em O Livro dos Espíritos, indaga, qual o meio mais correto de se conhecer, a si próprio, e o espírito Santo Agostinho nos ensina: - "Fazei o que eu fazia quando vivi na terra: ao fim de cada dia interrogava a minha consciência, passava em revista o que havia feito e me perguntava a mim mesmo se não tinha faltado ao cumprimento de algum dever e se alguém não teria motivo para se queixar de mim.

Foi assim que cheguei a me conhecer e ver o que em mim necessitava de reforma."

Habituemos a fazer perguntas claras e precisas à nossa consciência e seguir Jesus de Nazaré, que aconselhou: "Amar ao próximo como a nós mesmo e fazer aos outros o que gostaríamos que os outros nos fizessem".

Nenhum comentário: